PREFEITURA DE ARAÇATUBA - IPTU
Polícia

Mulheres são presas acusadas de furtar produtos em loja de shopping em Penápolis

São estrangeiras e uma delas foi detida por policial civil que a viu correndo e entrar em uma mata; a outra no estacionamento
Lázaro Jr.
14/01/2024 às 10h25
Dupla foi apresentada na delegacia de Penápolis e presa (Foto: Lázaro Jr.) Dupla foi apresentada na delegacia de Penápolis e presa (Foto: Lázaro Jr.)

Uma venezuelana de 26 anos e uma peruana de 20 anos, moradoras em São Pauloforam presas na tarde de sábado (13), em Penápolis (SP), acusadas de terem furtado mercadorias de uma loja de departamentos em um shopping da cidade.

 

Uma delas foi detida por volta das 15h, por um policial civil que trabalha em Lavínia e havia estado em Penápolis para fazer a escolta de presos para a cadeia local. Quando passava pela via de acesso Sargento Arnaldo Covolan, onde está instalado o shopping, ele viu a jovem de 20 anos correndo no sentido contrário à viatura e falando ao celular.

 

Em seguida, outras pessoas sinalizaram para que parasse e informaram que ela havia furtado produtos em uma das lojas do shopping. O policial fez o retorno e conseguiu encontrar a investigada, que já havia entrado em uma mata.

 

Maquiagem

 

Segundo o que foi relatado, a acusada estava com um estojo de maquiagem. Em contato com funcionários da loja vítima, o policial foi informado que essa mulher estaria acompanhada de outra, que já havia sido detida no estacionamento do shopping, também com mercadorias furtadas.

 

As duas investigadas foram apresentadas na delegacia, para onde também foram levadas as mercadorias que haviam sido furtadas e que foram restituídas aos representantes da loja. Ainda de acordo com o que foi apurado, as mulheres estavam sem documentos pessoais e, apesar de serem de nacionalidade estrangeira, entendem e falam português.

 

Presas

 

Elas foram ouvidas na presença de uma advogada. A mais jovem alegou que reside em São Paulo há cerca de dois meses e que a colega dela a havia chamado para acompanhá-la até Penápolis, sem saber o que fariam.

 

Ainda segundo a investigada, elas estavam em um hotel desde sexta-feira e no sábado foram ao shopping, onde a amiga furtou alguns produtos. A acusada alegou que correu por ter se assustado e teria acabado levando o estojo de maquiagem que estava vendo.

 

Já a outra investigada optou por permanecer em silêncio para se manifestar em juízo. As duas tiveram a prisão confirmada pelo delegado que presidiu a ocorrência e após serem ouvidas permaneceram à disposição da Justiça para serem apresentadas em audiência de custódia.

PREFEITURA DE ARAÇATUBA - IPTU
Entre no grupo do Whatsapp
Logo Trio Copyright © 2024 Trio Agência de Notícias. Todos os direitos reservados.