PREFEITURA DE ARAÇATUBA - IPTU
Polícia

DDM e Delegacia do Idoso de Araçatuba estão em novo endereço

Atendimento saiu da CPJ e foi transferido para imóvel onde funcionava o plantão policial, na Cussy de Almeida
Lázaro Jr.
27/11/2023 às 11h26
Atendimento está sendo no prédio onde funcionava a Central de Flagrantes, na rua Cussy de Almeida (Foto: Lázaro Jr.) Atendimento está sendo no prédio onde funcionava a Central de Flagrantes, na rua Cussy de Almeida (Foto: Lázaro Jr.)

A DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) e a Delegacia de Polícia de Proteção ao Idoso de Araçatuba (SP) estão atendendo no antigo prédio que abrigava a Central de Flagrantes, na rua Cussy de Almeida.

 

O imóvel fica atrás da CPJ (Central de Polícia Judiciária), que concentra as demais delegacias da Polícia Civil de Araçatuba. A mudança aconteceu na última semana e um dos objetivos é trazer maior privacidade principalmente a vítimas de violência.

 

Essas duas delegacias também estavam instaladas na CPJ. No caso da DDM, quando o prédio estava sendo preparado, já havia a possibilidade de o serviço não ser instalado no prédio que fica na praça Getúlio Vargas, justamente pensando no público que é atendido.

 

Já a Delegacia do Idoso foi instalada após a reforma do prédio da CPJ e inaugurada no dia 1 de outubro de 2019, para atendimento às vítimas com 60 anos ou mais. A unidade é especializada nos crimes previstos no Estatuto do Idoso e no Código Penal e Lei de Contravenções Penais.

 

Atendimento

 

Com a mudança de endereço, o expediente dessas duas delegacias nos finais de semana e feriados cintinua sendo feito com prioridade no plantão policial, que fica no mesmo prédio onde funciona a CPJ, que abriga todas as demais delegacias do município.

 

O delegado assistente da Delegacia Seccional de Araçatuba, Marcelo Curi, explica que o plantão funciona 24 horas por dia e as ocorrências feitas nele são distribuídas a cada manhã para as várias unidades que funcionam no complexo da Polícia Civil.

 

Mais profissionais

 

O diretor do Deinter-10 (Departamento de Polícia Judiciária) de Araçatuba, delegado Mauro Gabriel, explica que ao mesmo tempo em que a mudança proporcionará atendimento especializado em ambiente mais adequado, ela vai disponibilizar espaço no prédio da CPJ/Deic (Divisão Especializada de Investigações Criminais) para abrigar novos policiais que serão contratados no ano que vem.

 

De acordo com ele, existe concurso em andamento com previsão de nomeação no início de 2024. A partir da nomeação, os aprovados farão o curso de formação de aproximadamente quatro meses.

 

Segundo o que foi informado, serão 57 novos escrivães e 33 novos investigadores para a área do Deinter-10, além de novos delegados em número ainda não definido. Além disso, há um novo concurso em andamento que deve formar mais 92 escrivães e 45 investigadores e delegados em número não definidos, também para a região de Araçatuba.

PREFEITURA DE ARAÇATUBA - IPTU
Entre no grupo do Whatsapp
Logo Trio Copyright © 2024 Trio Agência de Notícias. Todos os direitos reservados.