PREFEITURA DE ARAÇATUBA - IPTU
Cotidiano

Paciente fica mais de 30 dias na UTI após infecção por fungo e volta a hospital para agradecer pelo tratamento

Reside em Auriflama e retornou à Santa Casa de Araçatuba nesta terça-feira para reencontrar equipe médica; caso dele foi apresentado pela médica Lorise Donadelli em Congresso de Clínica Médica realizado setembro, em Santa Catarina
Da Redação
10/10/2023 às 18h16
Ronaldo dos Santos Silva, 45 anos e o abraço no médico Gustavo Soltovski, da equipe da UTI (Foto: Divulgação) Ronaldo dos Santos Silva, 45 anos e o abraço no médico Gustavo Soltovski, da equipe da UTI (Foto: Divulgação)

Médicos, enfermeiros e fisioterapeutas da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) 1 da Santa Casa de Araçatuba (SP) foram surpreendidos na manhã desta terça-feira (10), com a visita do ex-paciente Ronaldo dos Santos Silva, 45 anos.

 

Ele, que passou mais de 30 dias internado no hospital após desenvolver uma infecção causada por um fungo, fez questão de agradecer pelo atendimento recebido: “Estou aqui pela graça de Deus que me trouxe para o lugar certo e para ser tratado pelos médicos certos”, declarou à assessoria de imprensa do hospital.

 

Segundo o que foi informado, o caso desse paciente foi apresentado em um Congresso de Clínica Médica realizado no mês de setembro, em Santa Catarina, pela médica Lorise Donadelli, da equipe da UTI 1 da Santa Casa.

 

Fungo

 

De acordo com o hospital, Silva deu entrada na Santa Casa transferido de Auriflama, cidade onde reside e após ser diagnosticado com tuberculose. Entretanto, durante avaliação no hospital de Araçatuba, as equipes médicas da UTI e da Clínica Médica, coordenadas pelo médico Rafael Saad, descobriram que na verdade ele havia sofrido lesões pulmonares, óssea e de pele, causadas por um fungo. 

 

Ainda de acordo com o que foi divulgado, o paciente passou mais de 30 dias internado na UTI, a maioria deles intubado, em quadro clínico gravíssimo e sob risco de morte por vários dias. Inclusive ele teve sequelas graves, como a perda total temporária dos movimentos do corpo.

 

Recuperado

 

Segundo o hospital, o tratamento correto reverteu a resistência do fungo e com os cuidados médicos e dos profissionais multidisciplinares, Silva aos poucos se recuperou dos danos sofridos pelo organismo, tanto que ao receber alta, ele conseguia se movimentar com um andador.

 

Já caminhando normalmente nesta terça-feira, ele abraçou o médico Gustavo Soltovski, da equipe da UTI 1, e declarou à assessoria de imprensa da Santa Casa que fez questão de retornar ao hospital para dar um abraço na equipe que cuidou tão bem dele.

 

“Muitos disseram que eu não voltaria para minha casa. Voltei para a minha casa e para abraçar essa equipe maravilhosa. O tratamento aqui não é 10 é 1.000 e de todos”, concluiu.

PREFEITURA DE ARAÇATUBA - IPTU
Entre no grupo do Whatsapp
Logo Trio Copyright © 2024 Trio Agência de Notícias. Todos os direitos reservados.